Connect with us

Campeonato Brasileiro Série B

Ney Franco é demitido do Cruzeiro

Após mais um tropeço, Ney Franco é demitido do Cruzeiro

Falar de Cruzeiro e associar isso a uma crise não é mais novidade, pois o time mineiro vive o pior momento de sua história. A equipe está na penúltima posição da Série B com apenas 12 pontos e corre sérios riscos de ser rebaixado para a terceira divisão. No último domingo (11), a Raposa acabou empatando com o último colocado, o Oeste e assim, Ney Franco é demitido do Cruzeiro. O anúncio da demissão do treinador foi feito por Sérgio Santos Rodrigues, presidente do clube, que agradeceu o treinador e ainda acredita em acesso à Série A.

“O tempo urge contra o Cruzeiro. Batemos um papo com ele no vestiário e decidimos encerrar o ciclo. Seguiremos em Atibaia e o Célio Lúcio, nosso auxiliar técnico, vem comandar os treinos aqui. Não há especulação. A partir de agora a gente começa a trabalhar em um novo nome. Continuamos acreditando muito (sobre o acesso). Matematicamente ainda é possível. Fica o nosso abraço ao Ney Franco e o pedido de que a torcida continue ao nosso lado”, disse.

A linha de Ney Franco foi parecida com a do mandatário do clube, pois, em breve pronunciamento, agradeceu a oportunidade e afirmou estar torcendo pela recuperação e acesso da Raposa.

“Estou passando aqui especificamente para agradecer a torcida do Cruzeiro, e ficar agora de longe torcendo para que possa dar tudo certo. Realizei um sonho de trabalhar no Cruzeiro como treinador. Infelizmente, as coisas não deram certo. Ficarei de longe agora torcendo para o sucesso, o projeto do clube, para o retorno à primeira divisão. Agradecer à diretoria, que acreditou no meu nome, me trouxe, deu toda estrutura para a gente desenvolver o nosso trabalho. Queria deixar um agradecimento especial aos atletas, não faltou empenho. Me despeço do clube com esse sentimento de não ter contribuído mais, mas torcendo para que o Cruzeiro possa voltar na próxima temporada para a Série A do Brasileiro”, disse Ney Franco.

SUBSTITUTO

Para Sérgio Santos Rodrigues, o novo treinador do Cruzeiro tem que ter o perfil ideal para reergue o clube e permanecer até o final da competição. Ainda declarou que não há motivos para se fazer especulações, pois os nomes estão na mesa e o estudo para substituir o demitido Ney Franco já está sendo realizado.

“A partir de agora, a gente já começa a trabalhar em um novo nome para que, se possível, possa chegar para pegar essa semana de treinos aqui e, até sexta-feira, estar à frente do time. Então, vamos pensar com muita calma, batalhar bastante, conversar bem e traçar o perfil que a gente quer. Pois tem que ser um perfil para ficar até o fim e para correr atrás desses três pontos que a gente precisa na sexta-feira, que são tão importantes para nós”, afirmou o presidente.

Entre os principais candidatos para substituir Ney Franco foram citados os nomes de Lisca, Luiz Felipe Scolari e Dorival Júnior. Contudo, o primeiro recusou a proposta e seguirá no rival América-MG, onde vem lutando pelo acesso. Já Felipão, passou a ser o preferido pela diretoria, pois já passou pelo clube e possui um perfil forte, que pode lidar com a crise do clube.
Em fase crítica, saiba quais são as chances do Corinthians ser rebaixado

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais sobre Campeonato Brasileiro Série B